Luva resistente a corte: o que é e como usar?

Desenvolvida para proteger as mãos contra qualquer tipo de acidente, a luva resistente a corte é um item obrigatório em diferentes segmentos e indústrias.

Você provavelmente já deve ter ouvido falar da luva resistente a corte, um dos mais conhecidos Equipamentos de Proteção Individual do mercado. Afinal, as mãos estão sempre em evidência nos processos e na dinâmica do trabalho, não é mesmo?

Desenvolvida para proteger as mãos contra qualquer tipo de acidente, a luva resistente a corte é um item obrigatório em diferentes segmentos e indústrias, como:

  • Agrícola;
  • Siderurgia;
  • Alimentícia;
  • Automobilística, entre outras.

Ideal para preservar a saúde do colaborador em questão, o modelo atua diretamente na proteção das mãos. Mas, se você ainda não está convencido, uma dica: leia esse artigo até o final para entender as vantagens da luva resistente a corte e o porquê você deve incluí-la no seu dia a dia.

Por que usar luva resistente a corte?

Você sabia que a cada três acidentes de trabalho, um ocorre nos membros superiores? Ainda, a cada dez acidentes envolvendo membros superiores, seis acontecem nos punhos e nas mãos. Os índices chamam a atenção e aumentam a necessidade da utilização de EPIs nessa parte do corpo.

Feitas com fios sintéticos de alta resistência, as luvas resistentes a corte impedem que pedaços de vidro, facas, produtos químicos e corrosivos e outros elementos causem danos às mãos, dentre eles:

  • Cortes profundos;
  • Queimaduras;
  • Perfurações;
  • Lesões, entre outros.

Da mesma forma, projetadas com material ergonômico para que sejam flexíveis e se ajustem ao corpo, evitando fadiga muscular ou dores, as luvas são fundamentais também para aumentar o conforto.

Mas os motivos para utilização do equipamento não param por aí, uma vez que todas empresas que trabalham com máquinas que oferecem risco de corte são obrigadas por lei a oferecer luvas e outros EPIs, a fim de garantir o bem estar e a segurança do trabalhador.

Como escolher o modelo ideal

Em primeiro lugar, é inegável a importância da luva resistente a corte para o desempenho de determinadas funções. Mas é fundamental também entender as diferenças entre os modelos existentes no mercado, uma vez que somente dessa forma é possível garantir a utilização correta de acordo com a função.

Atualmente, existem dois tipos de luvas: as alimentícias e as industriais. Tricotadas em fios sintéticos de alta performance e fios de inox com polietileno, a versão alimentícia é bacteriostática. Isto é, ela impede acidentes ao mesmo tempo em que preserva as propriedades do alimento manipulado, evitando bactérias e fungos.

As luvas industriais, por sua vez, podem ser fabricadas com ou sem revestimento em poliuretano. Isso permite que elas mantenham a precisão dos movimentos e o conforto, mesmo em ambientes secos ou na presença de pouco óleo lubrificante.

Há, ainda, modelos que contam com fios de aço para aumentar a segurança. Dessa forma, oferecem ainda mais resistência mecânica em relação à abrasão e ao corte.

Seja como for, é importante notar que as luvas precisam também garantir firmeza e conforto. Ou seja, elas não podem limitar o movimento, sobretudo causar cansaço e impactar na produtividade. 

Para facilitar o processo, confira algumas dicas para escolher a luva ideal:

  • Identifique os riscos do negócio como um todo;
  • Estude as características de uso das luvas;
  • Determine o tipo de trabalho;
  • Compare os produtos, marcas e funções; e, por fim
  • Treine sua equipe para utilização correta dos EPIs.

Luva resistente a corte x segurança do trabalho

Em suma, podemos afirmar que a luva resistente a corte é imprescindível nos mais diversos segmentos do mercado. De indústrias à açougues, elas fazem parte do dia a dia de grande parte dos trabalhadores brasileiros – e do mundo!

Mas, muito além de investir em luvas ou em outros EPIs específicos, é importante conhecer os riscos e conscientizar a equipe. Em outras palavras, é preciso treinar os profissionais para que eles possam realizar suas tarefas com o máximo de eficiência.

Acima de tudo, é importante que eles entendam a importância e o motivo pelo qual devem usar a luva de proteção ou demais equipamentos. Somente dessa forma é possível garantir o uso correto deles e evitar acidentes de trabalho.

Agora que você já entendeu a importância da luva resistente a corte para a segurança e saúde dos trabalhadores, que tal conhecer os principais riscos ambientais no trabalho?

Aproveite e fique por dentro das novidades do mercado! Preencha o formulário abaixo para receber os conteúdos da SafetyTrab em primeira mão!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    1 × 3 =

    WhatsApp chat