Qual é o modelo ideal de capacete para trabalho em altura?

Conheça o modelo ideal de capacete para trabalho em altura para proteger o usuário de impactos e quedas.

Está em busca de um capacete para trabalho em altura e não sabe qual escolher? Continue lendo esse texto e desvende um pouco mais sobre o equipamento.

Considerado um equipamento de proteção individual (EPI), o capacete foi desenvolvido para atender aos profissionais que trabalham em altura, como o próprio nome sugere.

O que diz a lei sobre o capacete para trabalho em altura?

A NR 35 determina que a empresa contratante ofereça sempre as melhores condições de segurança aos trabalhadores.

Sobretudo, a norma estabelece EPIs específicos para trabalhos em locais com altura superior a dois metros do chão, como andaimes, escadas ou plataformas. 

É o caso do capacete, que protege a cabeça do funcionário em caso de queda, bem como evita o impacto de objetos que podem cair durante o trabalho.

Como escolher o capacete para trabalho em altura?

Ao contrário do modelo tradicional, que tem uma aba na frente – e você já deve ter visto por aí -, o capacete para trabalho em altura é um pouco diferente, uma vez que ele não deve ter aba.

Além disso, o dispositivo precisa ter com um sistema jugular de três pontos. Isso porque, é ele que permite a fixação no queixo e evita a queda do equipamento.

Assim como outros EPIs, ele deve sempre estar em perfeito estado de uso e adequados às funções, sem rachaduras ou defeitos.

Contudo, muito embora a entrega dos materiais seja responsabilidade da empresa, cabe ao funcionário a utilização correta, assim como a guarda e conservação.

Como funciona um capacete para trabalho em altura?

Se você chegou até aqui, deve saber que o capacete é fundamental para proteger a cabeça contra impactos diversos. Em outras palavras, ele reduz as chances de acidentes.

Mas, você sabe como funciona o capacete para trabalho em altura?

De maneira geral, o sistema de proteção é composto pelo casco e suspensão. As partes atuam de forma simultânea na proteção e amortecimento. Assim, evitam os impactos na parte superior da cabeça, apesar de não contemplar incidentes laterais.

A jugular, por sua vez, tem a função de evitar o desprendimento do capacete.

Dicas para aumentar a durabilidade do capacete

A durabilidade dos EPIs tem relação direta com a forma como o usuário cuida deles.

Por isso, separamos abaixo alguns cuidados com a limpeza e manutenção que podem ajudar no dia a dia.

  • Limpe seu capacete com água e sabão neutro após o uso;
  • Utilize o equipamento corretamente;
  • Não utilize o EPI fora do horário de trabalho;
  • Evite sentar no capacete e transportar objetos nele;
  • Guarde o equipamento após o uso em um local seco e arejado, protegido da luz solar.

Agora que você já sabe qual é o modelo ideal de capacete para trabalho em altura, que tal aproveitar para escolher o seu?

Entre em contato com a SafetyTrab! Trabalhamos com as melhores marcas do mercado e contamos com profissionais capacitados para melhor te atender.

Quer saber mais sobre dicas e novidades do mercado? Preencha o formulário abaixo para receber os conteúdos da SafetyTrab em primeira mão!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado.

    5 × 3 =

    WhatsApp chat