Importância da ergonomia no ambiente de trabalho

A ergonomia no ambiente de trabalho é um ponto de atenção e que pode evitar consequências físicas ao trabalhador

Não importa qual seja a sua função: é bastante provável que você passe horas seguidas desempenhando uma atividade e/ou faça movimentos repetitivos. Seja no chão de fábrica, no campo de obra ou nos escritórios corporativos, a ergonomia no ambiente de trabalho é um ponto de atenção e que pode evitar consequências físicas ao trabalhador. 

Tanto é que, cada vez mais, as empresas tem se preocupado com o bem-estar de seus colaboradores, oferecendo boas condições de trabalho. Mesas niveladas, cadeiras que contribuem para uma postura adequada e muitos outros elementos que fazem toda diferença!

Aliás, o assunto é tão importante que foi regulamentado pela NR-17. A norma estabelece medidas para adequar o ambiente de trabalho para torná-lo mais seguro e confortável para o trabalhador.

Mas, você sabe quais são os cuidados de ergonomia no ambiente de trabalho? Continue a leitura deste artigo e confira!

O que é ergonomia no ambiente de trabalho?

Em linhas gerais, podemos definir ergonomia como uma área de estudo que visa estabelecer condições de trabalho que favorecem a saúde do colaborador durante o trabalho. Ou seja, a ideia é permitir que as atividades desempenhadas não gerem nenhum impacto na saúde, como as LERs, dores ou qualquer doença.

Na prática, a ergonomia pode e deve ser adotada por todas as empresas, independente de seu segmento. Mas, é importante notar que os profissionais também devem fazer a sua parte. Isso significa que eles devem seguir as boas práticas recomendadas pela equipe de segurança.

Além disso, são inúmeras as vantagens de adotar medidas de ergonomia no ambiente de trabalho. A principal delas, é claro, é a redução de acidentes. Por meio de ações adequadas à cada função e o uso de EPIs corretos, é possível, por exemplo, evitar doenças de coluna e muito mais.

O conceito, no entanto, vai além e impacta também a produtividade e a imagem da empresa. Por fim, a adoção de boas práticas de ergonomia garante a conformidade com a lei.

EPIs e ergonomia

Entre em Contato
R$72,50 à vista Em até 3x de R$25,44
A partir de R$51,36 à vista Em até 3x de R$18,02
R$21,53 à vista Em até 3x de R$7,55

Capacetes de Proteção

Carneira Simples para Capacete

R$4,39 à vista Em até 3x de R$1,54

O papel da ergonomia é oferecer soluções ideais para cada situação. Mas, o que poucas pessoas sabem é que existe uma ligação direta entre o uso de EPIs e os diversos campos da ergonomia no ambiente de trabalho.

Afinal, quando falamos em riscos ergonômicos, estamos falando de:

  • Controle rígido;
  • Esforço físico;
  • Rotina;
  • Levantamento de peso;
  • Postura inadequada;
  • Situação de estresse;
  • Trabalhos em período noturno.

Daí a importância de ter equipamentos e estações de tamanhos adequados para que o trabalhador não passe horas a fio em posições erradas. O mesmo vale para os EPIs, como luvas, capacetes, sapatos de segurança e muitos outros, que ajudam a proteger o corpo humano e, ainda, respeitam a anatomia humana.

Quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mercado? Preencha o formulário abaixo para receber nossa newsletter semanal.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    💬 Precisa de ajuda?